Boring Verbs: definição e influência no vocabulário

Os boring verbs não são muito explorados pelos cursos de inglês. No entanto, podem ter uma grande influência no seu vocabulário. 

boring verbs_cambly class

Entender o que são “boring verbs” ou “boring words” é um passo importante na jornada rumo à fluência. Isso acontece, principalmente, porque somente dessa forma será possível falar inglês como um nativo. Contudo, a maioria dos estudantes nem imagina o que sejam “boring verbs”. Afinal, este tópico não é muito abordado por cursos de inglês.

Esses “verbos tediosos” nada mais são do que aqueles verbos mais comuns e batidos que são sempre usados da mesma maneira. Ou seja, palavras que tem, sim, importância para o idioma, mas que os nativos geralmente substituem por termos mais “naturais”, o que enriquece o vocabulário.

Por isso, hoje iremos ver um pouco mais sobre “boring verbs” e abordar termos diferentes que podem substituir essas palavras. Dessa forma, você terá diferentes alternativas para se comunicar e dará passos cada vez maiores na jornada rumo à fluência em inglês. Vamos lá?!

boring verbs_cambly vocabulary

O que são Boring Verbs?

Boring verbs, como dito anteriormente, são verbos comuns e corriqueiros. Geralmente, são usados com frequência por todos, inclusive por nativos, no entanto, são muito batidos e podem tornar o vocabulário pobre. 

Isso não quer dizer que seja errado usá-los. Muito pelo contrário. Contudo, utilizá-los o tempo todo pode fazer com que você pareça uma pessoa que não domina bem o idioma. Assim, será cada vez mais difícil falar inglês como um nativo.

Mas não se preocupe. Afinal, estamos aqui para ajudar você a pensar em alternativas para esses “boring verbs“. No entanto, antes de destrinchar algumas opções para você substituir estes verbos, vamos entendê-los um pouco melhor usando o exemplo da língua portuguesa.

Boring verbs na língua portuguesa

Na língua portuguesa não temos nenhuma especificação de “verbos chatos” ou “verbos tediosos”. No entanto, no nosso subconsciente nós usamos diferentes maneiras para substituir um verbo corriqueiro.

Por exemplo, vamos pegar o verbo “fechar”. É comum que usemos sinônimos para nos comunicarmos, principalmente na linguagem escrita, onde ser coloquial demais pode transparecer falta de vocabulário. Principalmente, em ambiente acadêmico ou profissional.

Ao usar o verbo “fechar”, há algumas opções de substituição, como, por exemplo, “findar”, “cerrar” ou “concluir”. Utilizando estas opções você demonstra riqueza de vocabulário e domínio do idioma. Não é interessante?! Agora vamos ao que realmente interessa! Veja a seguir alguns “boring verbs” e maneiras de substituí-los.

boring verbs_cambly tutor

Maneiras de substituir os “boring verbs”

A seguir você irá acompanhar os principais “boring verbs” e suas possíveis substituições. Confira!

Jump

Jump é um verbo comum e corriqueiro na língua inglesa. É um verbo que todo mundo conhece e usa no inglês mais básico. Portanto, ele se encaixa nos nossos “boring verbs” e pode ser substituído por diversas outras palavras quando necessário. Por exemplo, “pular” em português poderia tornar-se “saltar”.

Vamos ver abaixo algumas possibilidades?! Confira!

  • Hop; 
  • leap;
  • surge;
  • bound; 
  • skip.

Cry

O segundo verbo de nossa lista é um dos mais batidos do idioma. Afinal, “chorar” é uma palavra bastante comum na língua inglesa e que diversos artistas já exploraram, por exemplo, em músicas. Logo, tanto nativos como estudantes de inglês do nível mais básico conhecem o “boring verb” “cry”.

Contudo, muitos desconhecem seus sinônimos em inglês. Portanto, abaixo, destacamos palavras da lingua inglesa possuem mesmo significado ou sentido muito parecido. Veja:

  • Weep;
  • sob;
  • snivel;
  • whimper;
  • wail;
  • pule.

Talk

Assim como os verbos acima, to talk também é um verbo muito frequente na língua inglesa. Afinal, é um dos primeiros verbetes que aprendemos quando começamos a estudar inglês.

É claro que não há proibição para usá-lo, mas vale a pena conhecer algumas substituições para enriquecer o vocabulário. Afinal, em português também temos muitas variações para “falar”, como “bater papo”, “dialogar” ou “articular.

Veja as substituições que destacamos:

  • Articulate;
  • describe;
  • express;
  • babble.

Sleep

Outro exemplo interessante é o verbo “to sleep“. Em inglês, existem algumas possibilidades para substituir esta palavra e mostrar que o seu vocabulário tem variação.

Confira a seguir as seguintes opções:

  • Catch a wink;
  • conk out;
  • snooze;
  • nood off;
  • drowse;
  • doze;
  • crash;
  • drop off;

Best

Agora, por mais que não seja um verbo, esta palavra também é bastante usada na língua inglesa: best. A boa notícia é que essa “boring word” também pode ser substituída por sinônimos e ajudar você a parecer mais engajado no idioma.

Veja as substituições que destacamos:

  • finest;
  • outstanding;
  • greatest;
  • terrific;
  • top.

Close

Por último, lembra que demos opções de substituições para o verbo “fechar” em português? Em inglês também existem variações interessantes para o verbo “to close“.

Dá uma olhadinha!

  • Clog;
  • lock;
  • bolt;
  • cork;
  • bang;
  • shut.

Treine seu vocabulário com os professores do Cambly para evitar boring verbs

Antes de encerrar mais um artigo, finalizamos com uma excelente dica: procure treinar o seu vocabulário com os professores para enriquecer o seu vocabulário e evitar boring verbs.

Para isso, basta acessar a nossa plataforma, escolher o seu professor ideal e dar mais um passo rumo à fluência!

Gostou do artigo de hoje? Esperamos que sim! Não se esqueça de deixar o seu comentário e compartilhe o conteúdo com a galera. See you soon, folks!

Leia também: A origem da Língua Inglesa – Conheça Aqui!

Deixe uma resposta

FAÇA UMA AULA DE INGLÊS GRÁTIS

%d blogueiros gostam disto: