Chunks of Language: o que são e por que são tão importantes?

Você já ouviu falar em chunks of language? Se não, saiba que são estruturas muito importantes para o cotidiano em inglês. Portanto, confira a seguir tudo sobre o tema!

Chunks of Language_cambly app

Chunks of language, a priori, são palavras afins usadas de maneira conjunta para dar sentido a uma estrutura. Ou seja, é uma espécie de expressão idiomática usada, geralmente, no vocabulário verbal. Contudo, em alguns casos, também podem ser encontradas em textos escritos.

Pensando nesta estrutura, hoje iremos abordar um pouquinho deste tema. Dessa forma, você irá descobrir ou aprimorar detalhes importantes sobre chunks of language.

Portanto, fique conosco até o final, faça anotações se necessário e lembre-se de estudar o tema após o artigo. Afinal, este assunto não é tão explorado, mas possui alta relevância na língua inglesa oral. E aí, está pronto (a) para aprender pontos importantes dos chunks of language? Então, veja a seguir!

O que são chunks of language?

Na tradução literal, chunks of language são “pedaços de palavras”. No entanto, na prática, eles são grupos de palavras encontradas com frequência na língua inglesa.

Segundo as regras gramaticais, estas estruturas podem ser fixas ou semifixas. Mas o que queremos dizer com fixas ou semifixas? Calma! Não se apresse. Veremos mais um pouquinho sobre este assunto a seguir!

Chunks of Language_cambly class

Estruturas fixas ou semifixas dos chunks of language

Como o nome sugere, as estruturas fixas são orações que são sempre ditas da mesma forma. Ou seja, ela é irredutível. Você jamais verá essa estrutura escrita de outra maneira.

Enquanto isso, uma estrutura semifixa pode ter alteração em alguma palavrinha. Geralmente, essa alteração ocorre no sujeito, mas também pode acontecer no contexto do que se quer dizer.

Vamos ver alguns exemplos a seguir de estruturas fixas e semifixas? Confere aí!

Exemplos de estruturas fixas

Como dito anteriormente, as estruturas fixas serão sempre da mesma forma. Elas são imutáveis. Veja o exemplo a seguir:

  • You’re welcome! (De nada!)
  • What do you mean? (Como assim?)
  • Go figure! (Vai entender!)
  • I’m sorry! (Sinto muito!)
  • Just a moment! (Só um momento!)
  • I don’t think so. (Eu acho que não.)
  • How are you doing? (Como você está?)

Exemplos de estruturas semifixas

Enquanto isso, as estruturas semifixas podem apresentar mutações. Ou seja, elas se transformam de acordo com o contexto. Confira no exemplo:

  • What’s _______ name? (No espaço em branco pode-se dizer yourhis, entre outros…).
  • If I were you, I’d __________. ( No espaço em branco, você completará com algo tipo: never do that ou talk to them, entre outras frases).

Agora, vamos destrinchar um pouquinho mais as estruturas semifixas. Veja a seguir.

Estruturas Semifixas (básico)

As estruturas de chunks of language semifixas são expressões que podem ser mudadas de acordo com o que a pessoa pretende dizer. Um exemplo de sentença semifixa bem básico é a estrutura “What’s … name?”. No espaço em branco podemos completar com o que queremos perguntar:

  • What’s your name? (Qual o seu nome?)
  • What’s his name? (Qual o nome dele?)
  • What’s her name? (Qual o nome dela?)
  • What’s his father’s name? (Qual o nome do pai dele?)
  • What’s her husband’s name? (Qual o nome do marido dela?)

Esse é um exemplo bem simples. Na realidade, os chunks chamados de sentenças semifixas podem ficar bem mais “complexos”.

Sentenças Semifixas (intermediário e avançado)

Por exemplo, “If I were you, I’d…” (Se eu fosse você, eu…) tem uma estrutura gramatical considerada de nível intermediário. Portanto, é necessário um pouco mais de vocabulário (léxico) para completar a ideia:

  • If I were you, I’d never do that. (Se eu fosse você, eu jamais faria isso.)
  • If I were you, I’d talk to them. (Se eu fosse você, eu iria falar com elas.)
  • If I were you, I’d study for the exam. (Se eu fosse você, eu estudaria para a prova.)
  • If I were you, I’d find a way to help John. (Se eu fosse você, procuraria um jeito de ajudar o John.)

Chunks of Language_cambly app

A importância dos chunks of language

Por mais que estas estruturas não sejam sempre usadas na norma culta em textos escritos, são bastante utilizadas no dia a dia. Portanto, se você deseja se comunicar como um nativo, é preciso tê-las em mente.

Aprendê-las irá facilitar a sua comunicação com estrangeiros e evitar que você fale inglês como um robô. Portanto, aprender estas estruturas, assim como gírias e outras expressões idiomáticas é super importante.

E aí, aprendeu o que são chunks of language e suas estruturas?

Esperamos que após este artigo você não tenha mais dúvidas! No entanto, caso queira aprender mais sobre o assunto, lembre-se que você pode ter aulas sobre o tema com os professores nativos do Cambly.

Não se esqueça de deixar o seu comentário e compartilhe o conteúdo com seus colegas para que este conteúdo alcance mais pessoas. Nos vemos na próxima! See you soon, folks!

Leia também: Possessive case | Aprenda a usar of e ‘s

 

 

One thought on “Chunks of Language: o que são e por que são tão importantes?

  • 22 de agosto de 2022 em 15:41
    Permalink

    This article is freaking useful. I like it.

    Resposta

Deixe uma resposta

FAÇA UMA AULA DE INGLÊS GRÁTIS

%d blogueiros gostam disto: