Como Conseguir um Trabalho em San Francisco?

Muitas pessoas têm o sonho de trabalhar fora do país, onde é possível encontrar mais oportunidades. Para isso, o inglês é fundamental. Entre os muitos países falantes da língua, um se destaca: os Estados Unidos.

E, entre as cidades possíveis para se trabalhar, San Francisco, na Califórnia, é uma das preferidas. Por isso, hoje, vamos mostrar como é possível conseguir um trabalho em San Francisco, o que é necessário e quais os tipos de trabalho que se pode fazer lá.

Mas antes de iniciarmos, selecionamos uma super video aula com uma professora nativa de SF, falando como é viver em San Francisco, California! Aperta o PLAY!

 

Quais São Os Tipos de Trabalho Mais Comuns em San Francisco?

Um dos tipos de trabalho mais comuns é o intercâmbio, na modalidade Work And Travel. Aqui, é necessário o intermédio de uma agência, o que pode encarecer um pouco.

Outra possibilidade é o trabalho em subempregos, que exigem menor qualificação e, muitas vezes, não necessita experiência. Também é possível um emprego regular, que pode demandar uma certa burocracia.

Por último, existe a opção de se trabalhar com importação para o Brasil, como muitos que foram para San Francisco já fizeram. Enfim, as possibilidades são muitas.

 

cafe conseguir um trabalho em san francisco

Trabalho Regular em San Francisco

Primeiramente, precisamos esclarecer que poucas pessoas podem, legalmente, trabalhar de forma regular em San Francisco. Aliás, em todo Estados Unidos, de forma geral. Isso porque, como estrangeiro, você precisa atender a alguns pré-requisitos.

Exceto em casso específicos, esses pré-requisitos são: ter cidadania americana, Greencard ou um dos vários vistos de trabalho americanos, em suas diversas categorias.

Seja qual for o caminho escolhido, é necessário um investimento de tempo, e, em muitas vezes, dinheiro. Além claro de conhecimento, especialmente na língua inglesa.

Isso pois a emissão de toda essa documentação passa por um processo legal, que envolve a comprovação de várias coisas. Primeiramente, deve-se comprovar que você já tem emprego em uma empresa estadunidense. Depois, é necessário que essa empresa comprove que você atende as qualificações dela melhor que qualquer local.

Agências de intercâmbio também oferecem um visto de trabalho, entretanto este é temporário. Se você participar de um programa de work and travel, conseguirá obter a documentação necessária. E, de quebra, poderá adquirir experiência trabalhando em San Francisco.

Opção com Greencard

Se estivermos falando do Greencard, o caminho é um pouco diferente. A forma mais comum é através do matrimônio, comprovado, com alguém dos Estados Unidos, seja ele nativo ou alguém que tenha obtido a cidadania.

Outra forma é investindo no país, comprando uma casa ou empresa. Nesses casos, o investimento deve ser superior a US$ 500 mil. Entretanto, nenhuma dessas ações garantem o Greencard, apenas abrem a possibilidade de se obtê-lo.

A partir do momento em que você obtém o seu Greencard, você pode dar entrada no seu Número de Seguro Social. Ele funciona de maneira parecida com o nosso CPF, como para possibilitar o acesso a crédito, por exemplo.

Subempregos: possibilidade de trabalho em San Francisco

Além dos empregos regulares, temos, também os subempregos. Subempregos são trabalhos que exigem menos do profissional, além de não garantirem tanto status, quanto os regulares.

Entre os subempregos, encontramos vagas de babá, manobrista, garçom, pedreiro, mestre de obras, ajudante, operador de caixa, motorista, diarista e várias outras. É comum a estrangeiros começarem trabalhando nesses subempregos em San Francisco. Eles não exigem muita documentação e são visados, inclusive, por imigrantes irregulares.

As exigências são mínimas, mas podem incluir um nível razoável de inglês ou uma carteira de motorista, dependendo do cargo. A carteira de motorista é um processo bem mais rápido, se comparada com toda a documentação tratada até aqui.

Esse tipo de trabalho, em San Francisco pode ajudar a pagar os seus custos, como intercâmbio e alimentação. Se respeitadas as normas, quanto à quantidade de horas trabalhadas, pode-se trabalhar tranquilamente, sem medo de estar infringindo alguma legislação.

Esse é o destino preferido da maioria dos brasileiros que vão trabalhar em San Francisco. Alguns iniciam isso de forma irregular e, após juntar certo dinheiro, regularizam sua situação. Entretanto, como vimos, é possível trabalhar em subempregos dentro das leis, desde que se respeitem alguns pontos.

View at the Golden Gate Bridge and downtown San Francisco with clouds and with a boat under the bridge in December

Trabalho em San Francisco como Importador

Essa é uma modalidade de trabalho em San Francisco que vem crescendo bastante, por conta do barateamento dos custos de transporte.

Muitos começam a importar produtos para amigos ou parentes, como uma forma de se complementar sua renda, geralmente, de um subemprego. Com um pouco de dedicação, é possível que essa se torne a sua renda principal e atividade em tempo integral.

Uma opção é começar o serviço de importação ainda no Brasil, desde que se tenha bons fornecedores nos Estados Unidos. Depois de um tempo, você pode juntar dinheiro e coordenar a operação, pessoalmente, de San Francisco. Assim, não precisará passar por subempregos, quando chegar na Califórnia.

O funcionamento básico é simples. Você compra produtos nos Estados Unidos, por um preço mais barato. Daí, evitando altas taxações, mas, ainda, dentro da lei, revende para o seu público, com uma boa margem de lucro. Essa pode chegar a 500%, mesmo com o dólar alto.

Logicamente, você precisará aprender um pouco de legislação e saber o que o seu público quer e precisa. Além de encontrar os fornecedores certos, que aliem qualidade, prazo e preço. Para isso, precisará se dedicar um pouco mais que em um subemprego, por exemplo.

Esse tipo de trabalho pode ser desempenhado tanto no Brasil, quanto em San Francisco, desde que você tenha uma rede de distribuição em que possa confiar. Aqui, vale também aquele equilíbrio entre prazo, qualidade preço. Para isso, você deve conhecer o seu público e ver o que é mais importante para ele.

Outra parte divertida é que, se você gosta de fazer comprar e descobrir coisas novas, vai ter várias oportunidades de fazer isso, se trabalhar com importação em San Francisco. Especialmente, se os seus gostos estiverem alinhados com os do seu público.

Troca de experiências

Como vimos, opções para se trabalhar em San Francisco são o que não faltam. Entretanto, não devemos nos esquecer de observar as exigências de cada uma delas. Vale a pena falar com amigos que já foram para lá ou que ainda estão lá. Além de dicas, eles podem ter contatos importantes para oferecer.

Agora, nada melhor do que tirar suas dúvidas direto com nativos dos Estados Unidos, até mesmo de San Francisco, o que acha? Tudo isso ao mesmo tempo em que treina suas habilidades de conversação!

Para isso, confira agora mesmo o aplicativo Cambly!

14 comentários em “Como Conseguir um Trabalho em San Francisco?

  • 29 de setembro de 2020 em 09:11
    Permalink

    Muito bom!

    Resposta
  • 29 de setembro de 2020 em 10:31
    Permalink

    Bacana demais

    Resposta
  • 29 de setembro de 2020 em 13:03
    Permalink

    Post muito completo! Amei!

    Resposta
  • 29 de setembro de 2020 em 14:08
    Permalink

    Sensacional a matéria!

    Resposta
  • 29 de setembro de 2020 em 14:22
    Permalink

    Ótimas dicas!

    Resposta
  • 30 de setembro de 2020 em 11:33
    Permalink

    Amei o post 😁

    Resposta
  • 30 de setembro de 2020 em 11:36
    Permalink

    Tooooop

    Resposta
  • 1 de outubro de 2020 em 11:34
    Permalink

    Show 👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾

    Resposta
  • 2 de outubro de 2020 em 09:41
    Permalink

    Amei o post!!!

    Resposta
    • 4 de outubro de 2020 em 13:04
      Permalink

      Interessante, vou atrás de um marido estadunidense 😅😅

      Resposta
  • 3 de outubro de 2020 em 14:59
    Permalink

    Amei o Post!

    Resposta

Deixe uma resposta

FAÇA UMA AULA DE INGLÊS GRÁTIS