Redução de Sotaque em Inglês

O sotaque (ou melhor, redução de sotaque em inglês) é uma das grandes barreiras quando estamos aprendendo qualquer idioma. Isso porque uma letra a mais ou a menos pode mudar, completamente o entendimento, por parte de nosso interlocutor.

Sabendo disso, preparamos esse pequeno guia para lhe ajudar na redução de sotaque no inglês, onde apresentaremos diversas técnicas e dicas. Fique com a gente.

Primeiro Passo: Autoavaliação

Esse é o primeiro obstáculo a ser vencido quando buscamos a redução de sotaque em inglês. Na verdade, quando nos deparamos com qualquer coisa que queremos alcançar. Precisamos de uma boa dose de autocrítica e realidade, para sabermos exatamente onde estamos e o quanto precisamos caminhar para chegar lá.

Dicas pontuais para melhorar o sotaque em inglês

Quando estamos falando, especificamente de redução de sotaque em inglês, existem alguns pontos que nos entregam que não somos nativos. Entre esses pontos, estão:

  • Letras como R, L ou U que tem o som bastante alterado ao redor do mundo. Aqui no Brasil, temos o costume de pronunciá-las com muito mais intensidade do que deveríamos, quando falar inglês;
  • A maneira como você pronuncia vogais e consoantes. Isso porque podemos falar sons mais abertos ou fechados do que o recomendado.
  • Letras que usamos como muletas em algumas palavras. Podemos pronunciar letras que não existem, para aproximar a pronúncia do português. Geralmente, terminamos palavra com um I que não existe. Ou trocamos o E pelo I ou o O e o U;
  • E, o principal: a confiança que você demonstra ao falar. Gagueiras e brancos são comuns quando nos sentimos inseguros ao falar em outro idioma.

Corrija os problemas identificados na autoavaliação

Após fazer essa autoavaliação, você poderá ter uma melhor ideia de que atitudes pode tomar para melhorar as áreas que tem mais dificuldades, verificando os seus erros de pronúncia e de entonação.

De posse desses dados, você, seguindo algumas técnicas, poderá soar muito mais parecido com um nativo, com um pouco de treino. Se você tem dificuldades em se auto-avaliar, nada impede que procure alguém de confiança para te ajudar.

É importante ter em mente que o processo de redução de sotaque pode levar anos para ser concluído. Mas, nem por isso, você deve desanimar. Afinal, não existe substituto para o treino.

 

sotaque_em_ingles_cambly

 

Trabalhe Com Foco Na Pronúncia Correta

Já é de conhecimento geral que a correta pronúncia de uma língua é o que vai te auxiliar quando estiver se comunicando com um nativo. A maioria pensará, logo de cara, que isto é mais fácil falar do que fazer. De fato, podem existir alguns bloqueios. Mas é mais fácil do que parece.

Primeiramente, devemos nos atentar que uma pronúncia incorreta não quer dizer, necessariamente, que a pessoa não se esforçou ou é preguiçosa. O mais comum, nesses casos é que é feita uma confusão entre os sons da língua portuguesa com os de outro idioma, que não existem por aqui.

Os exemplos mais comuns são o R no inglês, o U no francês (que fica algo entre o I e o próprio U), o RR em diversas línguas e o J, que possui usos muito diferentes no português, espanhol, grego e idiomas eslavos, só para citar alguns exemplos.

Todas essas diferenças acabam por contribuir para que algumas palavras fiquem um pouco mais difíceis de se pronunciar. Mas nada é motivo para se desesperar. Você só precisará dar um pouco mais de atenção a esses vocábulos.

Entonação é um aspecto importante para reduzir sotaque em Inglês

Outro fator importante na pronunciação é a entonação que damos às palavras. Essas podem denunciar o seu sotaque. Por isso, ao conversar com um nativo, tenha em mente quais palavras você terá de ajustar, para que a conversa fique mais fluída. No começo é mais difícil, mas logo, essas atitudes se tornarão hábitos.

Um hábito que você deve evitar são as sentenças ascendentes. São aquelas que terminam num volume mais alto do que começaram. Evite-as, também em seu idioma materno. Isso porque elas dão a impressão de que você não sabe do que está falando.

Assim como qualquer coisa, a melhor forma de aprender é ver outros fazendo. Logo, a melhor forma de se aprender a pronúncia correta do inglês é escutar outras pessoas falando. Isso contribuirá muito na redução do sotaque.

Praticando a sua habilidade de escutar, você estará treinando seus ouvidos e seu cérebro para captar as nuances mais sutis do idioma e descobrir a harmonia por trás de cada palavra e frase.

Para quem está aprendendo, o ideal é variar bastante os conteúdos: filmes, programas de TV, podcasts, músicas… comece com assuntos que você tenha mais interesse e domínio e vá, aos poucos, saindo de sua zona de conforte e ampliando os seus conhecimentos.

 

accent_reduzir_sotaque_em_ingles

 

Preste Atenção À Pronúncia das Letras para Redução de Sotaque em Inglês – Vogais e Consoantes

A atenção a esse detalhe é fundamental para a redução de sotaque. Isso porque a ênfase que damos às vogais e às consoantes sofre muita variação de idioma para idioma.

Por exemplo, quando estamos conversando com um espanhol, este nunca falará um O aberto. Um falante de inglês, por sua vez tem o R muito menos arrastado que alguém que fala português.

No inglês, a pronúncia correta das consoantes é muito importante, assim como em diversos outros idiomas de origem germânica. Isso pode ser um pouco mais difícil para quem pronuncia idiomas latinos, como o português, pois, aqui, muitas consoantes têm sons parecidos.

Uma dica aqui, é voltar a praticar o alfabeto. Também é interessante, recorrer a um silabário, para ter contato com sons mais próximos da prática diária.

Aumentar sua Autoconfiança é Fundamental para a Redução de Sotaque em Inglês

Esse é um fator fundamental. Pois a falta de confiança pode te levar a cometer erros, mesmo quando se está lidando com um assunto que domina. Pessoas sem confiança tendem a utilizar mais as sentenças ascendentes que já citamos.

Essa confiança é adquirida conforme o tempo que nos dedicamos a um idioma. Logo, quanto mais você praticar o inglês, maior será a redução do seu sotaque em inglês.

Uma última observação que devemos fazer é a de que um sotaque pode ser algo que incomoda que fala. E, às vezes pode prejudicar o entendimento, quando ele é muito pronunciado. Mas não se deve focar, tanto assim, na redução de sotaque, quando este não prejudica a compreensão. Afinal um sotaque pode ser parte da identidade da pessoa.

Para treinar mais o seu sotaque em inglês, acesse o aplicativo Cambly e comece a treinar agora mesmo!

Um comentário em “Redução de Sotaque em Inglês

  • 11 de setembro de 2019 em 19:30
    Permalink

    ,Excelente ! Acredito que fazer aulas com nativos é a melhor forma de reduzir sotaque. Tanto por repetir sons de um professor nativos e com sotaque local , quanto por poder praticar com alguém q não saber português, só inglês. Cambly é a melhor plataforma de aulas online!

    Resposta

Deixe uma resposta

FAÇA UMA AULA DE INGLÊS GRÁTIS
%d blogueiros gostam disto: